TRE manda Grass remover propaganda eleitoral com Lula e Rosilene no DF

Para juiz, Grass não respeitou tempo de exibição de apoiadores no vídeo. Ele atendeu um pedido da coligação do governador Ibaneis Rocha (MDB)

Correio Brasiliense

2022-09-27 02:18:06

COMPARTILHE:

O Tribunal Regional Eleitoral do Distrito Federal (TRE-DF) determinou a suspensão imediata da propaganda eleitoral do deputado distrital e candidato ao Governo do Distrito Federal (GDF) Leandro Grass (PV) em que aparece o candidato à Presidência Luiz Inácio Lula da Silva (PT).

A decisão foi expedida pelo juiz auxiliar da Corte Demetrius Gomes Cavalcanti, que acolheu a liminar da coligação Unidos pelo DF, encabeçada pelo governador Ibaneis Rocha (MDB). Na alegação, a coligação aponta que Lula e a candidata ao Senado Rosilene Corrêa (PT) aparecem 37% do tempo do vídeo. De acordo com a lei eleitoral, o limite legal para exibição de apoiadores é de 25%.

“No caso, a parte substancial da propaganda é sobre esses pedidos de voto, e ocupam mais de 25% da propaganda total, pois 11 segundos dos 30 de propaganda são utilizados para divulgar depoimento de apoiador, totalizando 37% do tempo da propaganda”, diz o magistrado.

O Correio procurou os advogados dos dois candidatos para se manifestarem da decisão do juiz, mas até a publicação desta reportagem não houve retorno. O espaço segue aberto.

*Estagiário sob a supervisão de Guilherme Marinho

Saiba Mais Política Lula x Bolsonaro: mercado financeiro tem candidato favorito à Presidência? Brasil Assassinato em bar no Ceará reacende temor de violência política a poucos dias da eleição Brasil Casal tinge cachoeira de azul para chá de revelação e recebe críticas Brasil Bolsonarista é esfaqueado e morre após briga de bar em Santa Catarina

COMPARTILHE:

COMENTÁRIOS

PUBLIQUE UM COMENTÁRIO

Enviar