Bolsonaro montou armadilha para Lula e conseguiu o que queria

Largada da campanha puxou o debate para a zona de conforto do presidente, escanteando discussão sobre Economia

Veja

2022-08-18 13:48:05

COMPARTILHE:

Sem resultados do mega pacote de bondades lançado para a eleição, restou à campanha do presidente Jair Bolsonaro armar uma operação para desviar o debate. O movimento feito pelo time bolsonarista nas últimas semanas teve um objetivo claro: escantear a discussão a respeito da Economia e do dia-a-dia dos eleitores, trazendo de volta a pauta de costumes.

+Giro VEJA: O balde de água fria que a pesquisa Quaest jogou na campanha de Bolsonaro

Ao que tudo indica, a estratégia não podia ter dado mais certo. O que se viu na largada oficial da campanha presidencial foi o escanteamento do debate sobre a Economia e o dia-a-dia dos eleitores. Propostas para o País caíram lá para baixo na lista de prioridades, para dar lugar ao debate religioso.

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva embarcou, exatamente como queriam os bolsonaristas. Afirmava que o adversário está “possuído pelo demônio”. Enquanto isso, Bolsonaro se vendia como pré-destinado a liderar o País e enviado de Deus, com reforço da primeira-dama Michelle Bolsonaro, a mais nova porta-voz da campanha para o eleitorado evangélico.

Já faz algumas semanas que os petistas se movimentam para fazer frente ao avanço de Bolsonaro junto ao eleitorado evangélico. Como a coluna mostrou, aliados do ex-presidente passaram a consultar especialistas e encomendar estudos sobre o tema, para reavaliar a estratégia. O assunto também foi tema de reuniões internas da campanha.

O esforço é válido. Até porque os últimos levantamentos de intenção de voto, como a pesquisa Genial/Quaest divulgada ontem, mostram que Bolsonaro está de fato crescendo junto a essa parcela da população. Mas cabe à campanha de Lula dosar até que ponto vale a pena embarcar na discussão. Afinal, puxar a campanha para esse lado interessa, antes de tudo, a Bolsonaro.

+Saiba mais: O político que está vencendo Lula de goleada

 

 

COMPARTILHE:

COMENTÁRIOS

PUBLIQUE UM COMENTÁRIO

Enviar