Vacina contra Covid para crianças: veja quantas doses cada estado recebeu

1.248.000 doses da vacina da Pfizer já chegaram ao Brasil e foram distribuídas pelos estados.

COMPARTILHE:

2022-01-15 13:30:09

G1

1 de 1 Primeira criança é vacinada no estado de São Paulo em evento simbólico na sexta-feira (14). — Foto: Aloisio Mauricio/Fotoarena/Estadão conteúdo Primeira criança é vacinada no estado de São Paulo em evento simbólico na sexta-feira (14). — Foto: Aloisio Mauricio/Fotoarena/Estadão conteúdo O primeiro lote da vacina da Pfizer contra Covid-19 para crianças chegou ao Brasil na quinta-feira (13) e 1.248.000 doses já foram distribuídas pelos estados (confira a lista abaixo). A segunda remessa foi antecipada e um lote de 1,2 milhão de doses chega no domingo (16), segundo o Ministério da Saúde. A terceira remessa deve chegar no dia 27 de janeiro, com mais 1,8 milhão de doses. Veja como vai funcionar a vacinação de crianças contra Covid Em alguns estados, a vacinação de crianças de 5 a 11 deve ser iniciada neste fim de semana. A estimativa do governo é que esse público seja de 20 milhões de crianças. Confira quantas doses cada estado recebeu: Acre: 7.200 dosesAlagoas: 22.100 dosesAmapá: 6.900 dosesAmazonas: 34.500 dosesBahia: 88.200 dosesCeará: 55.100 dosesDistrito Federal: 16.300 dosesEspírito Santo: 24.100 dosesGoiás: 44.300 dosesMaranhão: 50.200 dosesMato Grosso: 23.000 dosesMato Grosso do Sul: 18.300 dosesMinas Gerais: 112.600 dosesPará: 62.300 dosesParaíba: 23.600 dosesParaná: 65.500 dosesPernambuco: 60.000 dosesPiauí: 20.200 dosesRio de Janeiro: 93.500 dosesRio Grande do Norte: 20.900 dosesRio Grande do Sul: 59.100 dosesRondônia: 11.600 dosesRoraima: 4.800 dosesSanta Catarina: 39.800 dosesSão Paulo: 252.580 dosesSergipe: 14.600 dosesTocantins: 10.700 doses Vacinação infantil De acordo com o governo, a vacinação infantil ocorrerá: Em ordem decrescente de idade (das crianças mais velhas para as mais novas), com prioridade para quem tem comorbidade ou deficiência permanente e para crianças quilombolas e indígenas;Sem necessidade de autorização por escrito, desde que pai, mãe ou responsável acompanhe a criança no momento da vacinação;Com intervalo de oito semanas – um prazo maior que o previsto na bula, de três semanas. Veja como vai funcionar a vacinação de crianças contra Covid window.PLAYER_AB_ENV = 'prod'

COMPARTILHE:

COMENTÁRIOS

PUBLIQUE UM COMENTÁRIO

Enviar