'Tá podre': Datena acaba com Lula ao vivo - ISTOÉ Independente

Datena não conteve críticas ao ex-presidente Lula durante o “Brasil Urgente” desta quarta-feira (20). Tudo começou quando o apresentador falava sobre o panorama político do Brasil, citando que o político começou a defender os R$ 600 de auxílio emergencial apenas recentemente, não tendo se posicionado sobre o tema antes. + A Fazenda: ‘Difícil de conviver’, diz […]

COMPARTILHE:

2021-10-21 02:12:03

Isto é

ISTOÉ Gente

Da Redação

Datena não conteve críticas ao ex-presidente Lula durante o “Brasil Urgente” desta quarta-feira (20). Tudo começou quando o apresentador falava sobre o panorama político do Brasil, citando que o político começou a defender os R$ 600 de auxílio emergencial apenas recentemente, não tendo se posicionado sobre o tema antes.

+ A Fazenda: ‘Difícil de conviver’, diz ex-namorado de Rico, negando torcer pelo peão

+ Natacha Horana, ex-bailarina do Faustão, fala sobre cachê após participar de filme nos Estados Unidos

“E o Lula que defendeu hoje o R$ 600 depois de muito tempo?! Faz mais de um ano e meio que eu estou falando isso aqui, que R$600 é o mínimo que podia pagar. Lula disse que eu era o Enem que tornava a política pobre. Você nem pro Enem serve porque a porque a política tá podre por causa de gente como você”, disse Datena. O apresentador ataca Lula e Jair Bolsonaro de forma recorrente, já que é um dos candidatos à presidência em 2022.

Tópicos

Datena não conteve críticas ao ex-presidente Lula durante o “Brasil Urgente” desta quarta-feira (20). Tudo começou quando o apresentador falava sobre o panorama político do Brasil, citando que o político começou a defender os R$ 600 de auxílio emergencial apenas recentemente, não tendo se posicionado sobre o tema antes.

+ A Fazenda: ‘Difícil de conviver’, diz ex-namorado de Rico, negando torcer pelo peão

+ Natacha Horana, ex-bailarina do Faustão, fala sobre cachê após participar de filme nos Estados Unidos

“E o Lula que defendeu hoje o R$ 600 depois de muito tempo?! Faz mais de um ano e meio que eu estou falando isso aqui, que R$600 é o mínimo que podia pagar. Lula disse que eu era o Enem que tornava a política pobre. Você nem pro Enem serve porque a porque a política tá podre por causa de gente como você”, disse Datena. O apresentador ataca Lula e Jair Bolsonaro de forma recorrente, já que é um dos candidatos à presidência em 2022.

COMPARTILHE:

COMENTÁRIOS

PUBLIQUE UM COMENTÁRIO

Enviar